Maria sente medo. E você?

Maria sente medo. E você? Maria, às vezes, sente medo. Maria não entende que Deus sempre esteve ao seu lado, juntinho do seu coração.

Maria, às vezes, questiona a existência de Deus. Eu sempre tento explicar pra Maria que Deus tem cuidado dela, tem lhe dado força, coragem e aumentado a sua fé.

Maria sente medo. E você?

Mesmo assim percebo que Maria segue duvidando. Maria também não sabe esperar.

Reclama todo dia que Deus está demorando responder sua oração.

E lá vou eu mais uma vez tentar convencer sua cabecinha fechada que deve aguardar com paciência e esperança a resposta de Deus.

Às vezes ela se recusa a me ouvir e diz que devo me calar. Mas com jeitinho eu procuro semear um bom pensamento nessa mente agitada.

Confesso que tem dia que me sinto cansada de tanto insistir, mas entendo que cada pessoa tem seu tempo, seu jeito de enxergar a vida e de acreditar ou não que Deus é bom e existe.

Eu acredito tanto, sabe? Acredito e sigo confiando que o melhor sempre vai acontecer na minha vida, mesmo que coisas ruins me cerquem. Acredito em milagre e nas infinitas possibilidades que Deus envia todos os dias.

Hoje eu decidi te falar que a Maria, minha amiga, sente muito medo de coisas que podem vir a acontecer ou não.

Ela cria medos bobos e desnecessários. Medo de coisas que nunca aconteceram. Ela só se concentra nas coisas ruins da vida e das pessoas.

Eu tento ajudá-la a enxergar que a vida é um presente de Deus, mas a Maria não enxerga com os meus olhos.

Eu gosto da Maria, por isso eu fico insistindo com ela. Insistindo pra ela enxergar além do céu nublado o poder do arco-íris que enche de cor os nossos olhos, que embeleza a nossa alma e que fortalece o nosso coração.

Talvez você se sinta como a Maria cheia de medo ou talvez você se vê como alguém que está sempre tentando levantar outro alguém.

Independente de tudo escolhe enxergar a vida com os olhos cheios de emoção.

Crédito do texto: Sú Cursino

  • Compartilha no seu facebook!

Deixe um comentário