10 Afirmações do amor pleno

As dez afirmações do amor pleno é uma repetição de frases pronunciadas com força, determinação e convicção de que amar e acreditar em si mesmo é um amor para a vida inteira.

Somos formadores de ideias, pensamentos e definimos com base na educação recebida, nos ensinamentos religiosos o que é certo, errado, como deve ser, qual a extensão ou dimensão da palavra amor.

A escolha do amor ou de quem decidimos amar acontece de maneira espontânea.

Às vezes escolhemos e às vezes somos escolhidos.

Mas somos donos da nossa liberdade.

Escolhemos, recusamos, recomeçamos ou abandonamos coisas e pessoas.

Não se pode medir o tamanho do amor e nem afirmar quem ama mais que o outro.

O que existe de maneira perfeita é o momento em que decidimos olhar para dentro do nosso ser e sentir amor, afeto, carinho, respeito e admiração.

Se eu quero ser amada, apoiada, compreendida devo fazer o mesmo com meu próximo.

10 Afirmações do amor pleno

1 – Eu olho para o meu próximo com amor, enxergo virtudes, inteligência e bondade a minha volta.

2 – Não exijo que me amem, não amo o outro esperando ser amada (o). Eu escolhi amar. Amo sem cobrar, amo sem pedir algo em troca, eu amo. E o amor me faz bem.

3 – Tudo está acontecendo no tempo certo. Eu vivo o momento atual. Abraço as possibilidades, reconheço as bênçãos e todo o amor de Deus por mim.

4 – Planto sementes do amor no coração do outro quando afirmo olhando dentro dos seus olhos: Você é especial. Você é raro. Você é lindo. Você é abençoado. Eu amo você.

5 – O amor não é complicado. O amor que eu oferto, compartilho e espalho a minha volta me encontra em tudo que faço e em todos os caminhos que escolhi seguir.

6 – Há felicidade, contentamento e graça divina em tudo que escolho fazer. O toque sobrenatural de Deus me visita todos os dias, logo sinto-me abençoado (a) com todas as maravilhas recebidas.

7 – Ao finalizar cada dia faço uma faxina emocional no meu coração. Observo o que tenho sentido, o tamanho das minhas emoções, e tudo que me distancia do amor pleno de Deus e da vida abundante decido retirar, cortando dessa forma a raiz dos males emocionais.

8- A minha mente é morada dos bons pensamentos que edificam a minha vida e contruibbuem para o meu sucesso.

9 – Ao pensar na minha história de vida e nos desafios vencidos chego a conclusão da força divina de Deus agindo em meu ser, atuando nas profundezas da minha alma. Eu aceito a força sobrenatural nas entranhas do meu ser do Divino mestre Deus, o todo poderoso.

10 – Contemplo a esperança da extensão do amor no meu coração. Deixo florescer em mim a bonança, a prosperidade e a paz que o amor que espalho me traz.

Amar sem pedir nada em troca, amar sem negociar, amar sem exigir, amar sem cobrar, amar sem punir, amar sem criticar, amar pelo simples fato de encontrar sentido pleno na própria existência.

Muitos de nós criamos uma lista de como seria o parceiro ideal, o melhor amigo e conforme somos tratados concluímos se existe amor/admiração ou somos apenas mais uma pessoa ocupando a função de estar com o outro.

A decisão de amar verdadeiramente a si mesmo e ao outro é uma escolha saudável e sábia para a vida toda.

Quando eu escolho o amor eu valorizo quem eu sou e valorizo todos que cruzam o meu caminho.

Aprecio cada pessoa, ouço suas histórias, mergulho nas suas emoções e contemplo dos seus melhores sentimentos.

O amor cura, liberta e cicatriza. O amor faz bem ao físico, mas também ao espírito. Sacia e preenche.

Deixe um comentário